© José Caldeira / “KOKORO”, de Ana Isabel Castro e Deeogo Oliveira, Palcos Instáveis // © Mário Martins Fonseca / FAÍCC 2021: “Mostra de Jovens Criadores”, criação e interpretação de Andreia Alpuim, Matilde Tarrinha e Maja Longawa // José Caldeira / “Rubble King”, de Duarte Valadares, com interpretação de Marco da Silva Ferreira, Palcos Instáveis 

Segunda Casa

Segunda Casa é o projeto de difusão e circulação de um conjunto de trabalhos coreográficos, desenvolvidos e apresentados inicialmente no âmbito do ciclo Palcos Instáveis/1as Obras em parceria com o Teatro Municipal do Porto.
Com o objetivo de contribuir para a visibilidade, projeção, reconhecimento e apresentação dos criadores, a Instável desenvolve um trabalho continuado de contacto, produção e difusão das criações e coreógrafos integrados neste projeto.

A Segunda Casa visa, portanto, a circulação dos espetáculos em diversos espaços de acolhimento por todo o território nacional, apostando no estabelecimento de parcerias e relações continuadas e promovendo a programação regular de dança contemporânea. Além das apresentações dos espetáculos, são ainda pensadas e desenvolvidas regularmente atividades paralelas de mediação de públicos, de acordo com o enquadramento, contexto e circuito artístico.

© José Caldeira / “It’s a Long Yesterday” de Carminda Soares e Maria R. Soares
© José Caldeira / “It’s a Long Yesterday” de Carminda Soares e Maria R. Soares