créditos: Mário Martins Fonseca / FAÍCC 2021: “Mostra de Jovens Criadores”, criação e interpretação de Andreia Alpuim, Matilde Tarrinha e Maja Longawa

PALCOS INSTÁVEIS

Palcos Instáveis é um projeto direcionado para criadores de dança contemporânea do Porto e região Norte do país, que impulsiona o desenvolvimento e apresentação de projetos coreográficos, selecionados por open call.

Os criadores integrados neste projeto têm a possibilidade de realizar uma residência artística na Instável – Centro Coreográfico. Contam com uma bolsa de criação, mentoria artística, apoio à produção e divulgação e integram o ciclo mensal de apresentações “Palcos Instáveis/1as Obras” no Teatro Municipal do Porto – Campo Alegre, co-produtor do projeto.

Na essência da criação dos Palcos Instáveis, em 2012, estava a vontade de provocar e promover a criação emergente, propondo-se a abrir espaço e oportunidades a criadores com trabalho desenvolvido (Palcos Instáveis) e a novíssimos criadores para as suas primeiras apresentações (1as Obras).

Os Palcos Instáveis possibilitam a criação e apresentação de novas peças que oferecem à cidade o contacto com linguagens coreográficas emergentes. Ao longo de cerca de 10 anos de trabalho continuado, mais de 100 obras foram apresentadas neste ciclo, de entre as quais, várias criações de coreógrafos que hoje estão estabelecidos no panorama artístico nacional e internacional.