© “Nova Refutação do Tempo”, de Rina Marques e Sara Ferreira, Palcos Instáveis

Nova Refutação do Tempo
Rina Marques, Sara Ferreira
Coprodução com o Teatro Municipal do Porto

“Nova refutação do tempo” é uma criação multidisciplinar, onde a fotografia e a dança habitam o mesmo espaço. Onde a imagem não existe sem movimento e movimento não existe sem imagem. Criamos uma performance feita de fragmentos, onde reinventamos um corpo, mas também o espaço em que esse mesmo corpo se transforma.

Rina Marques, bailarina, natural de Santa Maria da Feira. O seu percurso na dança começa na Academia All About Dance e em 2013 integra a Companhia AAD. Em 2017 concluiu a sua licenciatura em dança pela Escola Superior  de Dança e pelo Institut del Teatre  (Barcelona). Apresenta  o  seu  primeiro  solo,  “Clarabóia”,  em Barcelona, em 2017, e o dueto “Querencia” (com Catarina Campos) no mesmo ano. Em 2018 conclui o FAICC pela Companhia Instável e cria “HANNO” com Rui Paixão, com estreia no Festival Imaginarius 2018. Já colaborou como intérprete com artistas como Mathilde Monnier, RADAR 360, Oskar&Gaspar, First Breath After Coma, Jonny Abbey, Joan Jonas e Miguel Moreira.

 

Sara Ferreira, natural de Oleiros, fotógrafa. Conclui a licenciatura em Ciências da Comunicação em 2015, na FLUP, e, em 2016, ingressa no IPF, terminando o curso profissional em 2018. Trabalha como freelancer desde então e, em fevereiro  de  2019,  desenvolve  um  projeto  em Residência Artística no AGITLab (em conjunto com uma  bailarina).  Em  março  do  mesmo  ano, representa o IPF no Fantasporto com a sua curta-metragem  “Sonho.  Não  sei  quem  sou”  e dois   meses   depois   expõe   o   seu   trabalho “Paisagem no nevoeiro”, no Mira Forum. Em julho de 2019, expõem uma série de retratos no Museu da Chapelaria, em São João da Madeira.

Dança, M/6 – 45 min

24 e 25 set / Sala Estúdio do Teatro Campo Alegre

Conceito e Criação: Rina Marques e Sara Ferreira 

Fotografia e Instalação: Sara Ferreira 

Coreografia: Rina Marques 

Música Original: Surma 

Figurinos: Adriana Figueiredo e Miguel Marques 

Apoio à criação: Imaginarius – Festival Internacional de Artes de Rua, Imaginarius  Centro de Criação, O Espaço do Tempo, OPART, E.P.E./Estúdios Victor Córdon, Casa  Varela, Companhia Instável.