© Joana Rodrigues / “Percursos pela Arquitetura”, criação de Sacha Vera com interpretação de FAÍCC e FOCAR 2021

FOCAR

FOCAR – Formação Orientada em Coreografia para Arquitetura é um programa de formação direcionado para criadores da área da dança contemporânea que se interessem por explorar a dança em espaços informais, “não convencionais”, públicos e privados. Acontece no primeiro semestre do ano e, embora tenha como sede principal a Instável, as aulas serão principalmente no exterior e em espaços parceiros, promovendo o trabalho em espaços além do estúdio.

Ao longo do curso são abordados temas constantes na dança como espaço, tempo e movimento, mas focando principalmente no impacto e na relevância da espacialidade e arquitetura para a criação coreográfica.

© Joana Rodrigues / “Percursos pela Arquitetura”, criação de Sacha Vera com interpretação de FAÍCC e FOCAR 2021

Programa e Formadores

O programa segue uma estrutura modular, que se divide em três tipos de módulos, que serão:
– Módulos teóricos acompanhados por arquitetos, programadores e artistas;
– Módulos práticos conduzidos por diferentes artistas e formadores, no quais são partilhados processos e metodologias próprias;
– Módulos de criação que incluem semanas de pesquisa com aconselhamento artístico para desenvolvimento de criações dos alunos, e também a participação em processos de criação de coreógrafos convidados.

Cada módulo será organizado e dinamizado pelo formador responsável, em função das suas especificidades, conteúdos e necessidades. No entanto, a estrutura do curso visa a complementaridade e transversalidade entre todos os módulos, prevendo cruzamentos entre conteúdos das diferentes áreas abordadas.

Cada formador irá partilhar de forma construtiva as suas experiências, pontos de vista e processos criativos singulares. O amplo número de formadores contribui para uma proposta pedagógica múltipla e abrangente, cujo objetivo é incentivar a experimentação e pesquisa pela identidade criativa de cada formando.

Candidaturas

Em 2023, o FOCAR irá decorrer entre fevereiro e julho, num total de 18 semanas (360 horas). As audições decorrem até 31 de outubro de 2022, online, no formulário. O acesso ao Programa FOCAR está dependente de candidatura, audição e entrevista.

Valores

Inscrição: 180€
Formação: 1368€ (pagamento da totalidade); ou 1468€ (469€ em fevereiro de 2023 + 3 prestações de 333€)

A Fundação GDA tem colaborado com a Instável na atribuição de bolsas a alunos portugueses e estrangeiros com morada fiscal em Portugal. As bolsas, com um valor variável entre os 20% e os 40%, são negociadas pela Instável todos os anos.

Testemunhos

Giulia Romitelli (IT)
“Fiquei totalmente satisfeita com o investimento feito para participar no FOCAR. Sinto que foi o passo ideal que precisava para me permitir abrir para o mundo exterior. Ajudou-me a mostrar as minhas ideias, a comunicá-las e a partilhá-las, mas também me deu ferramentas para receber e dar feedback.”

Joana Pinto (PT)
“Tanto o FOCAR como o FAÍCC procuram ter formadores que estejam, neste momento, no ativo — e esta característica é, para mim, a melhor dos cursos. Estes formadores permitem que os alunos criem uma noção da prática atual em Portugal. Os cursos permitem, também, criar contactos — o que acho, pessoalmente, indispensável.”

Marcelle Gressier (FR)
“O FOCAR proporcionou muito bons e importantes momentos onde nos foi possível colocar em prática o que aprendemos e o que nos é lecionado pelos formadores. O FOCAR inspirou-me a criar para o espaço público e para um público. Fez-me querer, também, criar pontes entre a prática e a teoria.”

 

Colaborações

Na primeira e única edição do FOCAR, as principais parcerias foram com a Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto e a Casa da Arquitetura (Matosinhos), com o projeto “Percursos pela Arquitetura”.

Por outro lado, a Fundação GDA tem colaborado com a Instável na atribuição de bolsas a alunos portugueses e estrangeiros com morada fiscal em Portugal.
Por fim, as colaborações poderão mudar de edição para edição, uma vez que as parcerias e projetos da Instável vão sendo estabelecidos a cada ano.

Edições Passadas

A 1ª edição do FOCAR aconteceu em 2021, sendo ainda um pouco conturbada pelas restrições do governo devido à situação pandémica. Nesse sentido, alguns módulos do curso adaptaram-se ao formato online (principalmente módulos teóricos e teórico-práticos). Por outro lado, alguns formadores optaram por orientar os seus módulos no exterior. Os participantes puderam contar com dois projetos de criação e apresentação em site-specific.

Horas de formação: 280 horas
Alunos: 9 alunos (1 português e 8 estrangeiros)

Formadores:
Ana Figueira (PT) – Produção Cultural (online) / Coaching
Ana Renata Polónia (PT) – Testemunho
André Braga (PT) – Testemunho
Bruno Costa e Daniel Vilar (PT) – Programação (online)
Catarina Campos (PT) – Testemunho
Carla Barros (PT) – Programação (online)
Cláudia Figueiredo (PT) – Testemunho
Cristina Grande (PT) – Programação
Daniela Cruz (PT) – Dança contemporânea /Coaching
João Mendes Ribeiro (PT) – Teoria (online)
Joclécio Azevedo (PT) – Composição Coreográfica / Coaching
Gabriela Vaz Pinheiro (PT) – Teoria (online)
Gustavo Ciríaco (BRS) – Processo Criativo
Helder Seabra (PT) – Composição Coreográfica
Henrique Pina (PT) – Teoria (online)
Luís Mestre (PT) – Coaching (online)
Mafalda Mendonça (PT) – Teoria (online)
Manolis Tsipos (GR) – Feedback Method (online)
Paulo Covas (PT) – Produção Cultural (online)
Pedro Azevedo (PT) – Testemunho (online)
Pedro Branco (PT) – Videodança
Pedro Prazeres (PT) – Testemunho (online)
Rui Horta (PT) – Composição Coreográfica
Sara Garcia (PT) – Testemunho
Space Transcribers (PT) – Testemunho
Vânia Rovisco (PT) – Processo Criativo

Colaborações com outras instituições:
Teatro Municipal do Porto
Fundação Serralves (Porto)
Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto
Casa das Artes (Porto)
Open House (Maia)

Neste separador FAQ’s (perguntas frequentes) pode encontrar respostas a dúvidas que possa ter. Para mais esclarecimentos envie um email para: focar.program@gmail.com

FAQ’s

Só pretendo frequentar um determinado período do programa, em vez do programa completo. Posso inscrever-me à mesma?
Embora o FOCAR se organize por módulos, o programa está desenhado para ser uma experiência multidisciplinar completa, estabelecendo-se uma relação de unidade entre os módulos separados. Desta forma, não é possível proceder à inscrição de apenas uma parte do curso. Não havendo faltas, os alunos poderão conjugar com outras atividades profissionais. No entanto, alguns módulos serão pontualmente abertos a inscrições de público externo.

Preciso de apresentar um certificado de saúde para participar no FOCAR?
A questão de saúde, bem-estar e condição física dos participantes do FOCAR é tomada em elevada consideração pela Instável; aliás, no contrato de participação do curso, deverá constar a confirmação do bem-estar físico dos alunos. Ainda assim, a Instável reserva-se o direito de solicitar também uma declaração oficial (que poderás pedir junto ao teu médico de família) que garanta a aptidão física necessária para a integração do FOCAR.
Se a tua declaração e/ou os resultados indicarem algum problema que possa colocar em risco a tua saúde, a Instável irá encorajar-te a não participar nesta edição. Contudo, se mesmo assim decidires participar no FOCAR, deverás assinar uma declaração assumindo a responsabilidade pela tua participação.

Depois de me inscrever no FOCAR, posso frequentar apenas alguns módulos?
O FOCAR é um programa desenhado para ser experienciado como um todo, por isso a inscrição contempla o curso na íntegra. De qualquer forma, poderás faltar a módulos, se assim o desejares. Contudo, a ausência de mais de 50% de um módulo levará a que o mesmo não conste no teu diploma final.

Quantas apresentações existirão no decorrer da formação?
O número de apresentações não é fixo, estando dependente das parcerias estabelecidas em cada ano. Ainda assim, o programa tem sempre uma forte componente de criação e apresentação, pelo que podes esperar:
até duas apresentações informais em estúdio de peças criadas durante as semanas de pesquisa;
até duas apresentações site-specific, no âmbito do projeto Percursos pela Arquitetura;
uma apresentação final, em co-criação com outro/s participante/s do FOCAR, a ser apresentada no contexto da Open House Porto.

Os alunos terão algumas avaliações no decorrer do FOCAR?
Na Instável, consideramos o feedback positivo, específico e individual como a forma mais construtiva de avaliação. Desta forma, os alunos irão receber feedback por parte dos seus formadores durante e no final de cada módulo, que ficará registado por escrito. Para além desta situação organizamos um módulo de Feedback Method criado pela DasArts. Quando pertinente, a utilização do feedback method será incentivada entre o grupo alunos, sempre num contexto de segurança baseado em confiança e respeito mútuo.
Por fim, não haverá avaliação quantitativa por considerarmos não ser um tipo de avaliação compatível com o trabalho de criação.

O curso oferece estadia ou alimentação?
O FOCAR não oferece estadia nem alimentação, mas estamos sempre disponíveis para partilhar informação ou contactos de modo a apoiar a procura de alojamento. A Instável também terá todo o gosto em disponibilizar algumas dicas sobre os custos de vida no Porto.

O curso confere alguma certificação?
Sim, é conferido um certificado final a cada estudante com os módulos completados. No entanto, para cada módulo constar no certificado, deverás frequentar pelo menos 50% do módulo.

Posso candidatar-me a alguma bolsa?
A Fundação GDA tem, desde 2012, atribuído bolsas a alunos portugueses ou alunos estrangeiros com residência fiscal em Portugal. Se te enquadras neste perfil, podes contactar-nos.
Se, por outro lado, pretendes inscrever-te numa outra bolsa (de outro país, por exemplo), a Instável está igualmente disponível para te ajudar com qualquer questão burocrática que necessites.

Posso usar os estúdios da Instável para outras atividades?
Sim. Depois das aulas e durante o fim de semana, podes usar os dois estúdios disponíveis para ensaios ou pesquisa. Para tal, deverás fazer a reserva do estúdio com antecedência pois o espaço é muito solicitado. Também podem existir algumas atividades no Centro Coreográfico nas quais podes participar: aulas, workshops, masterclasses, etc.
Como são as instalações da Instável e como posso ter acesso aos estúdios? (fazer link para o sobre – espaços)
Para além do escritório, existem 2 estúdios, um vestiário, um terraço e uma área comum. É possível aceder aos estúdios e restante espaço das 9h às 23h, diariamente.

Onde posso comer?
Perto da Instável há alguns restaurantes e supermercados. Existem também duas cafetarias com cantina a alguns minutos: no Planetário e na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto. Por se tratarem de cafetarias/cantinas de faculdades, os preços são mais acessíveis que noutros locais. Se preferires, podes também trazer a tua própria comida e aquecê-la no nosso microondas.

Como é um horário semanal?
O horário habitual começa às 15h30 e termina às 19h30, de segunda a sexta-feira. Ocasionalmente, existirão algumas semanas em que o horário poderá decorrer no período da manhã. Por outro lado, haverá semanas em que poderá ser necessário trabalhar ou ensaiar durante a noite ou fins de semana, quando existirem apresentações de projetos.
Quaisquer alterações ao horário serão sempre comunicadas com a maior antecedência possível.

Existem algumas regras extraordinárias devido à Covid-19?
A Instável guia-se pelas normas e recomendações do Governo de Portugal e da Direção-Geral de Saúde. Em 2022,
Em 2021 e 22 o programa teve uma primeira fase em regime online com os módulos teóricos, e só mais tarde se iniciou o presencial com as aulas práticas;
Durante as aulas presenciais em estúdio, os alunos poderão ser divididos em dois grupos pelos dois estúdios da Instável;
Dependendo da situação pandémica poderá ser necessária a testagem semanal.

Que tipo de experiências profissionais posso esperar?
Dependerá de cada edição, uma vez que as parcerias acordadas e os projetos da Instável vão sendo estabelecidos de ano para ano. Por outro lado, estas experiências dependem também da disponibilidade, interesse e perfil dos participantes no curso.
Convém salientar que um dos objetivos do FOCAR é incentivar a profissionalização. Por este motivo, os alunos poderão ser convidados a participar em pequenos estágios promovidos pela Instável, pelos formadores ou instituições parceiras. Estes estágios e oportunidades profissionais não fazem parte do plano do curso do FOCAR, mas os mesmos têm sido uma constante nas últimas edições da formação.
Para além disso, uma vez que o Centro Coreográfico é um ponto de passagem e trabalho de vários artistas (onde acontecem também outras formações), na Instável poderás contactar com o “tecido-artístico” do Porto e não só. Na verdade, alguns ex-alunos do FOCAR foram convidados a participar em projetos através da convivência suscitada nos estúdios e espaços comuns!

Posso trabalhar ao mesmo tempo que frequento o FOCAR?
Sim, muitos alunos do FOCAR optam por trabalhar enquanto integram a formação – esta é uma das razões pelas quais o horário da formação só decorre no período da tarde.
Contudo, conciliar trabalho e formação pode ser um desafio na gestão de tempo e energia. Deverás ter em mente que irás precisar de ambos para além das aulas, como por exemplo no trabalho de pesquisa e criação.

Onde posso encontrar mais informações sobre o FOCAR?
A equipa da Instável está sempre disponível para responder a questões que possam surgir. Podes contactar-nos através das nossas redes sociais, enviar-nos e-mail ou telefonar-nos.
No entanto, acreditamos que os ex-alunos do FOCAR são aqueles que te podem dar as melhores informações! Estamos disponíveis para facultar contactos de ex-alunos que tenham vivido situações semelhantes.

Porque é que tenho de pagar a inscrição no FOCAR?
O valor da inscrição cobre os custos administrativos e o seguro de acidentes pessoais. Para além disso, dá-nos garantia de que estás realmente interessado em participar no FOCAR – só após o pagamento da inscrição é que o teu lugar fica garantido. Se ainda não tomaste a tua decisão, sugerimos que não efetues o pagamento da inscrição, uma vez que esse valor não é reembolsável.